domingo, 12 de outubro de 2008

Ser Criança



Ser criança é saber aproveitar a vida com a melhor das intenções. É acreditar no tempo presente, aceitar o novo e ver nele boas possibilidades. É andar confiante por caminhos difíceis na determinação de desvendar o desconhecido.

Ser criança é estar em constante aprendizado, é querer buscar verdades, descobrir coisas sem a armadura do medo. É aprender com cada queda e não deixar que elas te desanimem de tentar denovo. É acreditar, esperar, confiar!

Ser criança é ter um sorrisão escancarado no rosto, mesmo em dia de chuva. É adorar deitar na grama, ver figuras nas nuvens, criar histórias. É gostar da brincadeira, do sonho, do impossível… é saber nada e mesmo assim poder tudo!

Ser criança é saber embrulhar desapontamentos e afogá-los no esquecimento tão rápido quanto abre uma caixinha de surpresa de novas possibilidades. É misturar lágrimas com sorrisos. É estar chorando e no meio do choro começar uma gargalhada.

Ser criança é gostar de quem olha no olho e fala baixo. É brigar, bater, xingar e minutos depois ser capaz de brincar, abraçar e amar a mesma pessoa que outrora odiou. É ser capaz de perdoar com uma sabedoria genuína que nem os maiores sábios da história conseguiram ter.

Ser criança é cantar fora do tom e dar risadas se alguém corrigir. É não deixar nada estragar um dia inteiro e saber que nada é capaz de tomar um dia de alegria.

E ser criança é, também, ser um adulto que sempre se lembra que foi criança um dia. Um adulto que consegue penetrar em seu mais precioso território e reencontrar a criança que vive ali, naquele pedaço onde você se esconde de todos os percalços e se fortalece a cada tropeço. É ter a ingenuidade restaurada a cada dia e se ver como um herói na história de sua própria vida, tendo uma criança que o abraça e que torna o tempo imutável e sagrado.

Ser criança é saber ser feliz!

Feliz dia das crianças para todos nós!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...